Cidades

14/11/2017 16:57 Diário Da Serra

Mutirão fiscal tem saldo de mais de R$ 3 milhões negociados

A Prefeitura Municipal de Tangará da Serra juntamente com o Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) e o Poder Judiciário promoveu no decorrer da semana passada o Mutirão de Conciliação Fiscal. A ação aconteceu na Biblioteca do Centro Cultural Pedro Alberto Tayano Filho, onde milhares de pessoas estiveram negociando seus débitos fiscais, totalizando o montante de R$ 3.058.974,62 negociados.


De acordo com a Procuradora do Município, advogada Cristina Lucena Pereira Dias, os valores deverão entrar nos cofres públicos do município somente se os contribuintes efetuarem o pagamento acordado. “O mutirão superou nossas expectativas. A ação ajudará na solução pacífica das pendências judiciais da execução fiscal. Além disso, irá atualizar a receita do Município, pois os débitos negociados são vencidos e anteriores a 31 de dezembro de 2016”, explicou a Procuradora,  destacando que o mutirão de conciliação foi uma grande oportunidade dos munícipes que possuíam algum tipo de débito quitarem a questão e solucionar de uma vez por todas suas pendências com a municipalidade.


No total, a ação atendeu 1813 pessoas, sendo que dessas, 1485 realizaram o acordo. “ A Procuradoria Geral agradece imensamente aos contribuintes que compareceram, aos funcionários que ficaram até depois do expediente e também a pareceria com o Judiciário através do Cejusc. Agradecemos também aos funcionários da Sefaz/Seplan, assim como aos conciliadores voluntários”, agradeceu a advogada.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo