Cidades

11/10/2018 10:07 Gazeta Digital

Jovem desaparecido é encontrado morto com sinais de espancamento

O jovem João Paulo Cardoso, 20, que estava desaparecido desde o dia 30 de setembro, foi encontrado morto nesta semana com as mãos amarradas e com sinais de espancamento. Conforme noticiado pelo  ele havia saído de casa às 10h, depois de voltar da missa, e não foi mais visto.

A mãe, a auxiliar de serviços gerais Valquíria Cardoso, 43, disse que foi chamada pelo Instituto Médico Legal (IML) na segunda-feira (8) para reconhecimento do corpo, que já estava em estado de decomposição.

De acordo com a perícia, é provável que João Paulo tenha sido morto 2 dias depois de seu desaparecimento, no dia 2 de outubro. A mãe acredita que ele tenha sido assassinado devido a uma dívida de droga.

"Ele era usuário há pelo menos três anos. Eu sempre brigava com ele, porque ninguém aguentava mais o clima", disse. 

João Paulo saiu vestido com uma camiseta branca, short jeans e chinelo sem levar nenhum documento. A família, composta pela mãe, o pai e 4 filhos mais novos foram a igreja. Quando eles voltaram para casa, o jovem trocou de roupa e saiu. Desde então ele não foi mais visto.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo