Economia

09/08/2017 11:56 OLHAR DIRETO

Lojistas se mostram confiantes para compras do "Dias dos Pais"

Aliada a uma discreta melhora no cenário econômico, a semana dos pais traz em 2017 expectativas positivas para os comerciantes mato-grossenses em comparação ao observado no mesmo período em 2016. De acordo com pesquisa realizada pelo Centro de Informações Socioeconômicas (Cise) da Universidade Federal de Mato Grosso (Unemat), 51% dos lojistas do Estado esperam que este ano seja melhor, sendo que 69% deles pretende realizar campanha específica para a data comemorativa.
 
Com apoio da Câmara dos Dirigentes Logistas (CDL), o levantamento contou com uma amostra de 196 entrevistados, o que representa nível de significância estatística de 90% e erro amostral de 5.83%. O estudo aponta que apenas 4% dos comerciantes espera que 2017 seja pior do que foi em 2016.
 
Já no caso dos consumidores foram entrevistadas 164 pessoas, garantindo um nível de confiança estatística de 90%, e um erro amostral máximo de 6%. Em relação à intenção de presentear, 58% dos entrevistados afirmam que pretendem comprar presentes para o Dia dos Pais este ano, e 15% afirmam que não. Em 2016, o percentual dos que desejavam presentear era de 42% Ou seja, para este ano, um percentual maior dos consumidores já se decidiu pela compra de presentes para esta data.
 
Quando questionado sobre o local onde pretendem realizar suas compras, prevalece o comércio local nas intenções dos consumidores. 51% dos entrevistados afirmaram que pretendem comprar os presentes no comércio de Sinop, e 20% preferem realizar as compras pela internet. Outros 29% devem utilizar os dois meios para realizar suas compras.
Com relação à pretensão de gastos, os consumidores foram perguntados sobre quanto pretendem gastar com presentes. A maioria afirmou que a intenção de gasto fica em até R$ 100,00 (44,93%). Por fim, os consumidores foram perguntados sobre o que pretendem comprar de presentes. Prevalece a intenção de comprar artigos de calçados e acessórios (46%), seguida de perfumes (25%) e depois vestuário (17%).
 
"Como empresários precisamos apostar sempre na melhora, seja da economia, do movimento ou das vendas, por isso nosso conselho aos lojistas é dê o melhor de sua empresa e de sua equipe, prepare-se para fazer as melhores vendas e com certeza os resultados virão", finalizou o presidente da CDL Marcio Kreibich.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo