Geral

15/04/2017 07:44

Taxista é preso por dar apoio a roubos em Cuiabá e VG

Um trabalho investigativo conjunto entre os núcleos de inteligência das Delegacias Especializadas de Roubos e Furtos (DERFs), de Cuiabá e Várzea Grande, identificou e desarticulou uma associação criminosa atuante em roubos, incluindo histórico de tentativa de latrocínio (roubo seguido de morte).

O ponto de partida das investigações aconteceu na operação Dilúvio II, deflagrada pela DERF da Capital que apontou a identidade dos criminosos que também atuavam na cidade de Várzea Grande.

Após representação da Polícia Civil, os mandados de prisão foram cumpridos na quinta-feira (13).

Elton Peixoto de Moraes, apontado como o líder do bando, foi oficiado sobre nova ordem judicial de reclusão em seu desfavor. Ele já estava preso na Penitenciária do Estado (PCE), após ter sido identificado no roubo seguido de morte tentado contra um oficial da Policia Militar.

Outro membro da quadrilha, Renan Teixeira Pena Vieira, foi preso no bairro Lixeira, em Cuiabá. As investigações apontaram que o taxista oferecia apoio logístico para a associação criminosa chegar nos locais do crime e também para garantir a fuga, utilizando do fato de um taxi levantar menos suspeitas. Restou apurado que o suspeito ficava com parte dos produtos subtraídos nos assaltos.

Outros dois adolescentes integravam o grupo que praticava os roubos, sendo Y.G.Q., 16, e M.H.F.B, 17. Ambos já estavam internados por outros atos infracionais.  A Promotoria da Infância e Juventude de Várzea Grande foi oficiada pela Polícia Judiciária Civil para analisar a possibilidade de prorrogar as internações dos menores infratores. 

Os crimes em que foram identificados e que ensejaram a representação pelas prisões ocorreram nos bairros Solares do Tarumã e Cristo Rei, ambos em Várzea Grande.

De acordo com o delegado da DERF-VG, Eduardo Rizzotto, trata-se de uma associação criminosa extremamente atuante nos roubos a residência da região metropolitana. “Eles eram extremamente violentos com as vítimas, amarrando-as e subtraindo vários objetos de valor e os veículos das residências”, explica o delegado.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo