Saúde

14/11/2017 16:54 Diário Da Serra

Familiares de vítimas de acidentes pedem paz no trânsito de Tangará

Um grupo, formado por familiares de pessoas que foram vítimas de acidentes de trânsito em Tangará da Serra e por voluntários da sociedade, ocupou a Avenida Brasil, na região central da cidade, na manhã de sábado, 11, com faixas, cartazes e panfletos. 


Eles pedem paz no trânsito tangaraense.  Em uma das faixas, as filhas de Carlindo Sobral, ainda de coração partido, mostram o pai, um ciclista que morreu em um acidente no mês de outubro em Tangará da Serra.


Em outra, uma criança chama a atenção e pede paz. Uma terceira faixa alerta que celular e trânsito não combinam.  


“Temos aqui várias mães que perderam seus filhos e filhos que perderam os pais, irmãos que perderam irmãos e assim por diante, pessoas que mediante essas perdas me convidaram para organizarmos essa mobilização numa tentativa de conscientizar as pessoas sobre o nosso trânsito”, disse o voluntário Davi Oliveira, um dos organizadores do ato.


Para Davi, está faltando atenção e sensibilidade. “Pedimos mais sensibilidade aos condutores, olhar para a placa de sinalização onde diz pare e parar mesmo, andar com atenção para termos mais paz no nosso trânsito”, completou Davi.  


O trânsito de Tangará da Serra tem se tornado cada vez mais violento. Somente nos últimos 10 dias foram quatro acidentes fatais. “O que a gente pede é mais atenção na hora de dirigir, de pilotar a moto, porque está cada dia mais perigoso andar nas ruas da cidade”, destacou Davi.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo