Saúde

07/11/2018 10:33 G1

Órgãos de paciente que morreu no PS de Cuiabá são captados para transplante pela 1ª vez na unidade

Uma equipe médica realizou a primeira captação de órgãos para transplante no Pronto Socorro de Cuiabá, no dia 26 de outubro. De acordo com o doutor e diretor da unidade de saúde, Douglas Dorce, foram retirados coração, fígado, rins e córnea de um paciente que estava internado e morreu na unidade.

“A Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT), responsável por explicar para a família e auxiliar autorização da doação, conversou com familiares do paciente e o procedimento foi realizado com sucesso”, explicou.

A unidade de saúde já possuía uma equipe do CIHDOTT, que acolhia as famílias e passava os devidos esclarecimentos para a autorização da doação. No entanto, até então só era possível realizar a captação de córnea.

“É um grande avanço. Nossa equipe tem capacidade para realizar a captação e não precisar levar (o corpo) para outro lugar. Daremos continuidade nesse tipo de procedimento”, disse.

Segundo o diretor, a cirurgia para a retirada dos órgãos durou cerca de 6 horas. Além da equipe de médicos do hospital, dois cirurgiões de São Paulo e Brasília foram a Cuiabá para realizar o procedimento.

“É gratificante poder realizar esse trabalho e perceber que estamos salvando vidas. Isso serviu de incentivo para que possamos dar seguimento nos trabalhos. Há muita gente precisando de transplante”, ressaltou.

Os órgão retirados foram encaminhados para pacientes compatíveis em Cuiabá, Brasília e São Paulo.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo