icon facebook icon twitter icon instagram

23 de Março de 2019

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO
logo

Terça-feira, 12 de Março de 2019, 11h:29 - A | A

Militar do Exército é detido em Cuiabá suspeito de anunciar viola furtada de músico em site de compra e venda

image

Um militar do Exército Brasileiro foi detido na noite dessa segunda-feira (11), em Cuiabá, suspeito de anunciar uma viola furtada de um músico em um site de compra e venda.

Segundo o boletim de ocorrência da Polícia Militar, Eduardo Kennyde Subtil Almeida, que atua no 9º Batalhão de Engenharia de Construção (9º BEC), estava com o instrumento que foi furtado do carro de um músico em fevereiro do ano passado, no estacionamento da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), na capital.

O instrumento, além do arco, é avaliado em R$ 10 mil e pertence ao músico e professor Diego Monteiro Lopes, do Instituto Ciranda. O carro do músico foi arrombado no dia 25 de fevereiro de 2018.

 
Músico Diego Monteiro Lopes, que é professor do Instituto Ciranda, conseguiu recuperar a viola furtada — Foto: Facebook/Reprodução

Músico Diego Monteiro Lopes, que é professor do Instituto Ciranda, conseguiu recuperar a viola furtada — Foto: Facebook/Reprodução

Diego descobriu que a viola era comercializada em um site de compra e venda e fez contato com o anunciante.

Ele combinou a compra e marcou um encontro com o suspeito na Arena Pantanal, no Bairro Verdão, na capital. Antes disso, ele avisou a polícia que monitorou o encontro.

O militar foi abordado assim que fez o contato com o músico no local e acabou detido. Diego reconheceu o instrumento e o recuperou. À polícia o militar afirmou que fez o anúncio da venda do instrumento a pedido do pai dele, que estaria na Espanha.

Ele foi encaminhado à Central de Flagrantes e um militar do 9º BEC o acompanhou. Ainda conforme a Polícia Militar, o militar pagou fiança e foi liberado no mesmo dia. Ele ainda vai responder pelo caso na esfera militar.

Imprimir
Comentários












Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.




image